Páginas

domingo, 27 de março de 2011

Primeiro dia de vida, libertando-se de um vicio!


Como pude, demorar todo esse tempo pensando que a vida não faria sentido sem você? Ó vicio. Sei que não terei uma boa vida a partir de agora, mas e antes, eu tinha?
Não quero saber mais de coisas supérfulas, coisas que me fazem bem, momentaneamente, mas que depois tira a minha liberdade, a vontade de viver!

Hoje é o primeiro dia, primeira época do ano, primeira vez que respiro profundo e digo: "Ó Deus, porque demorei tanto tempo pra perceber que o certo a fazer, era deixar esse vicio?"

Não tenho mais noção do tempo, nem reflexão do mundo, apenas uma expectativa por dias melhores. Dias que farão a diferença, que me faram refletir, pensar, viver!
Não sei como é que eu faço, só sei que sem você, vicio, serei eu novamente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário